Uma nova sondagem mostra que o PP está na liderança das intenções de voto dos espanhóis para as eleições de 20 de dezembro e que poderá alcançar até 28,6%  do eleitorado, elegendo entre 120 a 128 deputados. Já o PSOE surge em segundo lugar, com 20,8% das intenções de voto e 77 a 89 deputados. Em terceiro lugar está o Ciudadanos, com menos de dois pontos de diferença dos socialistas e conseguindo eleger até 66 representantes.

Esta sondagem mostra ainda que o Podemos está na quarta posição das preferências eleitorais dos espanhóis e que poderá eleger mais de 25 deputados.

A distribuição de mandatos entre os partidos mostra que só o PP e Ciudadanos ou uma coligação mais improvável entre PP e PSOE é que poderiam chegar à maioria na Câmara de Deputados.

O Ciudadanos tem vindo a afirmar-se como a terceira força política no país vizinho e subiu de cerca de 14% na última sondagem do Centro de Investigações Sociológicas para mais de 20%.

Uma sondagem no domingo, dava PP, PSOE e Ciudadanos em empate técnico e afastados por apenas duas décimas. Agora, PSOE e Ciudadanos são as duas forças mais próximas.