A Polícia de Segurança Pública (PSP) afirmou que vai “procurar fazer um trabalho de prevenção, ao invés de um trabalho reativo” no ‘clássico’ da I Liga portuguesa, entre Sporting e FC Porto, marcado para sábado, em Lisboa.

O subintendente Pedro Pinho, responsável pela coordenação das forças de segurança, referiu que são esperados entre 45.000 e 47.000 espetadores no Estádio José Alvalade, embora não tenha revelado o número de efetivos destacados para o jogo entre o líder do campeonato e o segundo classificado, respetivamente FC Porto e Sporting.

“Os elementos destacados respeitam os rácios que a lei define. Iremos procurar fazer um trabalho de prevenção, ao invés de um trabalho reativo”, disse, em conferência de imprensa.