Catarina Martins continua na crista da onda. Depois de ter conduzido o partido a um terceiro lugar histórico nas eleições legislativas e de ver Marisa Matias a ficar, igualmente, em terceiro lugar nas presidenciais, a porta-voz do Bloco de Esquerda é já quase tão popular como António Costa.

De acordo com uma sondagem publicada pela SIC/Expresso, Catarina Martins cresceu dois pontos percentuais em relação ao último estudo da Eurosondagem, realizado em janeiro. Está apenas a uma décima de António Costa, que continua a liderar o ranking da popularidade.

Em sentido inverso, Cavaco Silva, o ainda Presidente da República, continua a descer nos índices da popularidade e é, por esta altura, o político menos querido entre os portugueses.

Más notícias também para Jerónimo de Sousa. O secretário-geral do PCP perde pontos em relação a janeiro – é o líder político que mais desce desde a última sondagem.

De resto, Paulo Portas – que a meses de deixar a liderança do CDS continua a ser o terceiro líder partidário mais popular – e Pedro Passos Coelho também sobem em relação à ultima sondagem.

PS e PSD a crescerem (muito ligeiramente). Empate técnico mantém-se

Quanto às intenções de voto, não existem variações significativas a registar. O PS continua à frente do PSD (33,6% contra 32,5). Um empate técnico, portanto, com o PSD a crescer quatro décimas e o PS três.

Ainda assim, os dois partidos são os únicos a crescerem nas intenções de voto. O CDS mantém-se igual (7,5%), o PCP desce uma décima e o Bloco de Esquerda também, contrariando o crescimento de Catarina Martins no ranking da popularidade.

O estudo de opinião foi feita pela Eurosondagem entre de 4 a 10 de fevereiro de 2016. Foram efetuadas 1268 tentativas de entrevistas e, destas, 258 (20,3%) não aceitaram colaborar neste estudo. O erro máximo da amostra é de 3,08%, para um grau de probabilidade de 95,0%