Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A operadora de telecomunicações norte-americana Verizon estará prestes a chegar a um acordo para adquirir a tecnológica Yahoo! Inc. As empresas estarão em conversações privadas, mas o negócio não está fechado e pode ainda cair. Ainda assim, o anúncio da compra não deverá ser feito esta sexta-feira, mas poderá chegar nos próximos dias. A notícia está a ser avançada pela agência Bloomberg, que cita “fontes familiarizadas com o assunto”.

O valor deverá rondar os cinco mil milhões de dólares, mais de 4,5 mil milhões de euros. Apenas os serviços ligados à internet (o core business da empresa) farão parte do negócio. Isso significa que, neste momento, as patentes registadas pelo Yahoo não estão incluídas — e o mesmo se poderá aplicar a algum do património da tecnológica.

Existirão outras quatro empresas na corrida à compra do Yahoo, de acordo com a CNBC. No entanto, várias fontes indicam que a Verizon será a mais bem colocada para fechar o negócio. Contactada pela Bloomberg, a Verizon recusou fazer comentários. O Yahoo ainda não respondeu.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR