Um gato foi, esta quinta-feira, salvo dos escombros 15 dias após o sismo de 6.1 magnitude que abalou a região central de Itália. Este resgate foi realizado na cidade de Amatrice, uma das áreas mais afetadas.

Os bombeiros ouviram o gato miar quando estavam a tentar recuperar alguns objetos pessoais de uma casa destruída. O vídeo mostra um bombeiro que conseguiu retirar o felino dos escombros e que o enrolou num cobertor. O gato Pietro tentou arranhar a mão do bombeiro que o salvou.

O gato foi encaminhado para um hospital veterinário na cidade de Rieti, onde se verificou que o animal se encontrava desidratado e tinha uma mandíbula fraturada, segundo a Associated Press.

A Associação Nacional da Proteção Animal já resgatou 929 animais nestas operações. Entre os animais recuperados dos escombros está um cão lavrador golden retriver, chamado Romeo, que foi resgatado após ter ficado nove dias sob os destroços

O sismo matou 300 pessoas e devastou várias cidades.

Texto editado por João Cândido da Silva