A Coreia do Norte informou esta quarta-feira que vai completar o plano do ataque às águas da ilha norte-americana de Guam, no Oceano Pacífico, a meio de agosto, avança a Associated Press. Depois de receber a ordem do líder norte-coreano, o país irá proceder ao ataque.

Esta terça-feira Kim Jong-un já tinha ameaçado Guam depois do presidente norte-americano, Donald Trump, ter prometido no dia anterior uma resposta de “fogo e fúria como o mundo nunca viu”, se a Coreia do Norte voltasse a ameaçar os Estados Unidos. O general norte-coreano Kim Rak Gyom considerou os comentários de Donald Trump “desprovidos de razão”, defendendo que “somente uma força absoluta pode funcionar” com o presidente norte-americano.

Trump ameaça Coreia do Norte com “fogo e fúria” como o mundo nunca viu

A tensão entre a Coreia do Norte e os Estados Unidos voltou a aumentar depois de o jornal The Washington Post ter revelado que a Coreia do Norte terá conseguido diminuir suficientemente a dimensão de uma bomba nuclear de forma a conseguir incorporar o engenho num dos seus mísseis intercontinentais.