435kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Adere à Fibra do MEO com a máxima velocidade desde 29.99/mês aqui.

Portugal é o terceiro melhor país para visitar em 2018

Este artigo tem mais de 4 anos

Um "centro dinâmico para arte, cultura e gastronomia". Estas são as razões que colocam Portugal sem "surpresa" em terceiro na lista de dez melhores países a visitar no próximo ano da Lonely Planet.

9 fotos

Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

O livro Best in Travel 2018 da editora de guia de viagens Lonely Planet elegeu Portugal — um “dinâmico centro para arte, cultura e cozinha”, como lhe chama — como o terceiro melhor país para visitar no próximo ano, numa lista de 10 destinos. Portugal aparece à frente de países como a Nova Zelândia, Malta ou China.

Portugal emergiu da longa sombra da vizinha Espanha, aproveitando o destaque que ganhou como um centro dinâmico para arte, cultura e gastronomia”, pode ler-se no site da editora.

As praias do Algarve também tiveram peso na eleição de Portugal para o terceiro melhor país para visitar no próximo ano. “Em 2016, mais de 300 praias conseguiram a cobiçada classificação de Bandeira Azul. Não é surpresa nenhuma que toda a gente fale desta pequena marítima nação”, pode ler-se ainda.

À frente de Portugal só fica o Chile — a quem a editora dedicou um vídeo com Mark Johanson, que escreve para o livro — e a Coreia do Sul.

A editora também elegeu as 10 melhores cidades para visitar no próximo ano mas nenhuma delas é portuguesas. Também à melhor cidade foi dedicado um vídeo com Cristian Bonetto, que também escreve para o livro.

10 fotos

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Loja Observador Lifestyle

A página está a demorar muito tempo.

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.