O Sp. Braga fez uma fantástica exibição com o Marselha, conseguiu mesmo vencer por 1-0 mas não foi a tempo de inverter a desvantagem de 3-0 trazida de França, acabando por ser eliminado nos 16 avos de final. Assim, e apesar do empate desta noite em Alvalade com o Astana (3-3, após o triunfo por 3-1 no Cazaquistão na semana passada), o Sporting passa a ser o único representante nacional na Liga Europa.

O sorteio dos oitavos de final realiza-se já esta sexta-feira. Um sorteio que tem um ponto em comum e um diferente em relação ao anterior: por um lado, os leões irão sempre apanhar uma equipa dos principais campeonatos europeus ou uma viagem mais longa, tal como tinha acontecido nos 16 avos; por outro, o leque de “brindes” diminuiu de forma significativa. Em termos práticos, e num lote de conjuntos onde se encontram Atl. Madrid, B. Dortmund, Arsenal, RB Leipzig ou Lyon (que vai receber a final da presente época), há duas equipas que, no plano teórico, poderiam ser as mais apetecíveis para a próxima fase: Viktoria Plzen (Rep. Checa) e RB Salzburgo (Áustria).

Num sorteio que também apenas como condicionante questões geográficas (as equipas russas e ucranianas não se poderão cruzar), as 16 equipas serão as seguintes: Sporting (Portugal); Atl. Madrid e Athl. Bilbao (Espanha); Lyon e Marselha (França); B. Dortmund e RB Leipzig (Alemanha); Arsenal (Inglaterra); Lazio e AC Milan (Itália); Lokomotiv Moscovo, Zenit e CSKA Moscovo (Rússia); Viktoria Plzen (Rep. Checa); RB Salzburg (Áustria); e Dínamo Kiev (Ucrânia).

De referir que, em termos de Liga Europa (e Taça UEFA), o Sporting tem como melhor participação a presença na final de 2005, disputada curiosamente em Alvalade, que perdeu frente aos russos do CSKA Moscovo por 3-1. Além disso, os leões já chegaram mais duas vezes às meias-finais (sem contar com o triunfo no último minuto do prolongamento diante dos holandeses do AZ Alkmaar, em 2005): em 1990/91, com os italianos do Inter (0-0 casa, 0-2 fora), e em 2011/12, com os espanhóis do Athl. Bilbao (2-1 em casa, 1-3 fora).

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Os jogos dos 16 avos de final e respetivos resultados da segunda mão foram os seguintes:

– Atalanta (Itália)-B. Dortmund (Alemanha), 1-1 (2-3 na primeira mão)
Lokomotiv Moscovo (Rússia)-Nice (França), 1-0 (3-2 na primeira mão)
Atl. Madrid (Espanha)-Copenhaga (Dinamarca), 1-0 (4-1 na primeira mão)
Athl. Bilbao (Espanha)-Spartak Moscovo (Rússia), 1-2 (3-1 na primeira mão)
Dínamo Kiev (Ucrânia)-AEK Atenas (Grécia), 0-0 (1-1 na primeira mão)
Zenit (Rússia)-Celtic (Escócia), 3-0 (0-1 na primeira mão)
RB Leipzig (Alemanha)-Nápoles (Itália), 0-2 (3-1 na primeira mão)
CSKA Moscovo (Rússia)-Estrela Vermelha (Sérvia), 1-0 (0-0 na primeira mão)
– Villarreal (Espanha)-Lyon (França), 0-1 (1-3 na primeira mão)
Red Bull Salzburg (Áustria)-Real Sociedad (Espanha), 2-1 (2-2 na primeira mão)
Viktoria Plzen (Rep. Checa)-Partizan Belgrado (Sérvia), 2-0 (1-1 na primeira mão)
Lazio (Itália)-Steaua Bucareste (Roménia), 5-1 (0-1 na primeira mão)
AC Milan (Itália)-Ludogorets (Bulgária), 1-0 (3-0 na primeira mão)
Sporting (Portugal)-Astana (Cazaquistão), 3-3 (3-1 na primeira mão)
Arsenal (Inglaterra)-Östersund (Suécia), 1-2 (3-0 na primeira mão)
– Sp. Braga (Portugal)-Marselha (França), 1-0 (0-3 na primeira mão)