Saúde

20 profissionais de saúde do Hospital de Santo António, no Porto, com suspeitas de sarampo

Duas dezenas de trabalhadores do Hospital de Santo António, no Porto, entraram em contacto com um paciente estrangeiro que não estava imunizado contra o sarampo.

JOSE COELHO/LUSA

Vinte trabalhadores do Hospital de Santo António, no Porto, apresentaram sintomas de sarampo, depois de terem contactado com um doente não imunizado contra a doença.

Segundo notícia do JN, os 20 profissionais de saúde, todos eles jovens adultos, terão entrado em contacto com o dito doente, um estrangeiro não-vacinado contra o sarampo que se encontra agora em quarentena. Um dos doentes, uma mulher, teve de ser internada, dada a gravidade dos sintomas que apresentava.

Em comunicado, o hospital portuense informa que todos os trabalhadores envolvidos apresentam sintomas semelhantes aos do sarampo. Tendo isso em conta, todos foram sujeitos a extensas análises que foram, por sua vez, encaminhadas para o Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge. Os resultados devem ser conhecidos dentro de 24 horas.

O Hospital de Santo António avisa que este poderá ser outro tipo de virose, contudo, por precaução, foram tomadas todas as medidas recomendadas para casos de sarampo.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: dlopes@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)