Enviou sem querer uma mensagem pelo Messenger, do Facebook, a alguém e quer anular o envio? Não é possível. Esta quinta-feira, quando o Tech Crunch divulgou que mensagens enviadas a outros utilizadores pelo fundador da rede social, Mark Zuckerberg, surgiram mais críticas quanto ao respeito pela privacidade do Facebook quando a empresa ainda tenta responder à polémica da Cambridge Analytica.

Segundo o Facebook, em resposta ao mesmo meio, as mensagens enviadas pelo presidente executivo da empresa foram apagadas porque “o período de retenção das mensagens de Zuckerberg no [Inbox] do Messenger foi diminuído”. A empresa justifica que fez essa alteração depois de, em 2014, a Sony ter sofrido um ataque informático que comprometeu milhares de documentos da empresa empresa.

Versão inicial do guião do próximo filme de James Bond foi roubada

Três fontes, que confirmaram ao Tech Crunch que mensagens enviadas por Zuckerberg deixaram de aparecer na caixa de correio, garante que não foram avisadas. O mesmo meio noticia que algumas mensagens enviadas antes de 2014 não foram apagadas, contradizendo a declaração do Facebook.

Apesar de, atualmente, ser possível apagar mensagens enviadas no WhatsApp e no Direct (o chat do Instagram), dois serviços do Facebook, não é possível apagar mensagens enviadas pelo Messenger. A plataforma permite apagar na própria caixa de correio, mas continuarão a aparecer na caixa de correio do destinatário do Messenger.