Os olhos do mundo estavam postos na noiva, mas os pajens e as damas de honor não deixaram de chamar a atenção durante o casamento real. E por vários motivos.

As dez crianças chegaram separadas à capela de São Jorge, no Castelo de Windsor. Antes da chegada de Meghan Markle, oito crianças e as mães de algumas delas saíram de três carros, que estacionaram à porta da capela.

Kate, a Duquesa de Cambridge, Jessica Mulroney, a melhor amiga da noiva, Zoe Warren e Benita Litt levaram as meninas pela mão: a princesa Charlotte, de três anos; Ivy Mulroney, com quatro anos; Zalie Warren, afilhada de Harry, com dois anos; Florence van Cutsem, também afilhada do príncipe, com três anos; e as irmãs Remi e Rylan Litt, ambas afilhadas de Meghan Markle, com seis e sete anos respetivamente.

O príncipe George, de quatro anos, e Jasper Dyer, afilhado do príncipe Harry, com seis anos, deram as mãos e subiram sozinhos as escadas. À semelhança do noivo e do padrinho, todos os meninos estavam com o uniforme dos Blues and Royals, um dos regimentos da cavalaria do exército britânico. Cada uniforme tinha as iniciais da criança bordadas em ouro no ombro.

Já as meninas levavam vestidos brancos de seda, de manga curta e com uma fita à cintura, desenhados por Clare Waight Keller — a mesma designer que fez o vestido de Meghan. Levavam também um bouquet e uma coroa de flores, uma réplica das flores do bouquet da noiva, e ainda uns sapatos brancos, que foram oferta de Meghan. Cada par tinha as iniciais da respetiva criança.

Os gritos da multidão que estava à porta da capela chamaram a atenção das crianças. Algumas apenas viraram a cara, mas houve quem aproveitasse para acenar.

Pouco depois, no carro com a noiva, chegaram mais duas crianças: Brian e John Mulroney, também filhos de Jessica Mulroney e ambos com sete anos. Foram eles que seguraram o véu de Meghan. Um deles, aliás, protagonizou um dos momentos mais hilariantes de toda a cerimónia.

Já na capela, todas as crianças se juntaram para caminhar, de mãos dadas, atrás de Meghan, até a noiva chegar ao pé do príncipe Carlos. Nessa altura, só os irmãos Brian e John Mulroney continuaram a acompanhar Meghan até ao altar, continuando a segurar-lhe no véu.

No final da cerimónia, oito crianças — o príncipe George e a princesa Charlotte não estavam incluídas no grupo —  acompanharam os noivos até à saída da capela.

Já com os noivos na carruagem, foi possível ver o príncipe George e a princesa Charlotte a acenarem à multidão da porta da capela de São Jorge.