O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pediu quarta-feira ao Presidente Turco, Recep Tayyip Erdogan, para “fazer alguma coisa” pela libertação do pastor norte-americano Andrew Brunson, que se encontra em prisão preventiva por alegados atos terroristas.

“É uma desgraça que a Turquia não liberte da prisão um respeitado pastor dos Estados Unidos, Andrew Brunson. Ele está mantido como refém há demasiado tempo”, escreveu Trump na sua conta do Twitter.

O Presidente Erdogan “devia fazer alguma” para soltar “este maravilhoso cristão, pai e marido. Ele não fez nada de errado e a sua família precisa dele”, acrescentou o chefe de Estado norte-americano.