Lifestyle

Brincar não é (só) para meninos

Sabia que ao brincar com o seu filho está a estimular o desenvolvimento cognitivo, emocional e social?

E sabia também que é a brincar que as crianças aprendem sobre si mesmas e sobre o mundo que as rodeia, aumentando as suas capacidades e competências? Ora, a brincar a brincar se dizem as verdades, e é com base nestas premissas e na ambição de celebrar o direito de todas as crianças à brincadeira que a IKEA lança a campanha Vamos Brincar para a Mudança.

Brincar é para todos…

A IKEA leva a brincadeira muito a sério, e, por isso, defende que brincar é tão importante quanto aprender. Sabe porquê? Porque permite estabelecer ligações, criar, recarregar energias, escapar à rotina, explorar e desenvolver. Para a marca sueca, especialista em matéria de brincadeira e em melhorar o dia a dia de muitas famílias, são os momentos de diversão que tornam os dias mais felizes e inspiradores. O que o prova? O IKEA Play Report 2017 que reúne as principais conclusões de um estudo desenvolvido pela marca sobre brincadeira.

E por constatar que muitas vezes, no meio de toda a correria e azáfama, as crianças vão perdendo este hábito essencial ao seu bem-estar, a IKEA criou um guia prático que inspira atividades divertidas e criativas em casa, sempre com a ajuda de uma gama de produtos criados a pensar no desenvolvimento dos mais novos.

… E um direito fundamental de todos

Brincar é de facto uma necessidade básica de miúdos e graúdos, é um direito fundamental de todos. No entanto, milhões de crianças em todo o mundo não têm acesso a esse seu direito. Por isso, e por acreditar que quaisquer que sejam as circunstâncias todas as crianças merecem brincar e aproveitar a sua infância, a IKEA Foundation uniu-se a seis organizações mundiais – Handicap International, Room to Read, Save the Children, Special Olympics, UNICEF e War Child – para proporcionarem, às crianças em situações mais vulneráveis, lugares seguros para brincarem, desenvolverem-se. Uma ação que já permitiu a 150.000 crianças beneficiarem do direito à brincadeira.

Brincar é essencial, até na escola

E porque brincar é essencial até mesmo na escola a IKEA volta a lançar o concurso Vamos Brincar, na Escola, dirigido a todas as escolas básicas do ensino público, desafiando-as a desenvolver projetos que permitam às crianças brincar mais e melhor. As duas escolas que vencerem o concurso receberão o dobro do valor das vendas da gama SAGOSKATT para implementar os seus projetos. Saiba mais aqui.

E por fim para os pequenos designers…

A IKEA dá novamente a oportunidade de desenharem o peluche dos seus sonhos com o passatempo Pequenos Designers da IKEA. Dias 24 e 25 de novembro, a IKEA convida todas as crianças até aos 12 anos de idade a participar neste passatempo nas suas lojas, onde poderão também participar em várias atividades. Os cinco vencedores veem o seu desenho tornar-se realidade, na coleção SAGOSKATT, cujo dobro do valor das vendas é doado a projetos locais que apoiam o direito de todas as crianças à brincadeira e ao desenvolvimento. Saiba mais aqui.

A brincadeira é um momento valioso

Vamos Brincar para a mudança é uma campanha que realça a essência de brincar todos os dias e mostra que quanto mais se sabe, mais se pode aprender como brincar mais e melhor, seja em casa, na escola ou em comunidades vulneráveis.

Vamos começar a brincadeira?

#vamosbrincarparaamudança

Este conteúdo é da autoria da IKEA

Saiba mais em https://observador.pt/seccao/observador-lab/ikea-inspira/

Todos queremos saber mais. E escolher bem.

A vida é feita de escolhas. E as escolhas devem ser informadas.

Há uns meses o Observador fez uma escolha: uma parte dos artigos que publicamos deixariam de ser de acesso totalmente livre. Esses artigos Premium, por regra aqueles onde fazemos um maior investimento editorial e que mais diferenciam o nosso projecto, constituem a base do nosso programa de assinaturas.

Este programa Premium não tolheu o nosso crescimento – arrancámos mesmo 2019 com os melhores resultados de sempre.

Este programa tornou-nos mesmo mais exigentes com o jornalismo que fazemos – um jornalismo que informa e explica, um jornalismo que investiga e incomoda, um jornalismo independente e sem medo. E diferente.

Este programa está a permitir que tenhamos uma nova fonte de receitas e não dependamos apenas da publicidade – porque não há futuro para a imprensa livre se isso não acontecer.

O Observador existe para servir os seus leitores e permitir que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia. Por isso o Observador também é dos seus leitores e necessita deles, tem de contar com eles. Como subscritores do programa de assinaturas Observador Premium.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Conteúdo produzido pelo Observador Lab. Para saber mais, clique aqui.
Partilhe
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: obslab@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)