A Inspeção Geral das Atividades Económicas (IAGE) cabo-verdiana anunciou esta quinta-feira que fechou 10 restaurantes nos dois principais centros urbanos do país, por falta de condições de higiene e alguns com presença de pragas, como ratos e baratas.

Segundo a IGAE, os restaurantes foram fechados no quadro das ações de final de ano, em que realizou inspeções conjuntas com a Agência de Regulação dos Produtos Farmacêuticos e Alimentares (ARFA).

Dos 10 restaurantes encerrados, a IGAE indicou que sete foram na cidade da Praia, em Santiago, e três no Mindelo, ilha de São Vicente.

A inspeção geral das atividades económicas cabo-verdiana ilustra a publicação na sua página oficial no Facebook com fotos de alguns dos restaurantes, onde se pode ver as condições em que estavam a operar.