As alterações climáticas e o consumo insustentável estão entre os maiores desafios à prosperidade do planeta e das nossas gerações futuras. É verdade que existe uma consciencialização cada vez maior para este tema. Contudo, sabemos que a maioria das pessoas não compreende o impacto das pequenas ações que podemos fazer no dia a dia porque vê os benefícios como pouco visíveis ou intangíveis.

Queremos inspirar e ajudar pessoas em todo o mundo a viver uma vida mais saudável e sustentável, dentro dos limites do planeta. É nesse sentido que estamos a desenvolver o negócio IKEA e a nossa oferta, numa abordagem circular e com produtos para a casa que facilitam comportamentos mais amigos do ambiente.

Poupar água: ao utilizarmos torneiras e cabeças de duche misturadoras, com regulador que reduz o fluxo da água, podemos poupar até 30% de água. Para além disso ao reduzir o tempo no duche, para cerca de 3 minutos, podemos poupar em média 7,9 litros de água por minuto. É o tempo aproximado da sua música favorita– uma forma sustentável e animada de acordar!

Reduzir o desperdício alimentar: 33% da comida em todo o mundo é desperdiçada. Os recipientes herméticos transparentes, para além de conservarem os alimentos mantendo-os frescos por mais tempo, facilitam a identificação dos produtos no frigorífico ou na despensa e assim, ajudam a reduzir o desperdício alimentar. Para além disso, sendo em vidro resistente e com um design simples, podem ir ao congelador, ao frigorífico, ao forno e à mesa e assim, poupar água de lavagens desnecessárias.

Eficiência energética: As lâmpadas LED duram mais de 15.000 horas e consomem menos 85% de energia do que as lâmpadas incandescentes tradicionais. Outra boa ideia, é aproveitar o bom tempo e as horas de sol que temos em Portugal e preferir secar a roupa num estendal, em vez de utilizar máquina.

Estas são algumas das boas práticas e soluções em destaque na campanha Um mundo melhor começa em casa, desenvolvida pela IKEA e que decorre até 26 de maio. Um mundo melhor e mais sustentável começa nas nossas casas e cada um de nós pode fazer a diferença.

Este conteúdo é da autoria de Cláudia Domingues, responsável de sustentabilidade IKEA Portugal

Saiba mais em https://observador.pt/seccao/observador-lab/ikea-inspira/