Rádio Observador

Donald Trump

Novas revelações apontam para envolvimento direto de Trump a silenciar atriz porno Stormy Daniels

181

Novos documentos legais reforçam ideia de que Trump, ao contrário do que sempre garantiu, participou ativamente em contactos com o advogado que tratou dos pagamentos à atriz porno.

Getty Images

Documentos legais que acabam de ser divulgados em Nova Iorque reforçam ideia de que Donald Trump, ao contrário do que sempre garantiu, participou ativamente em contactos com o advogado na altura em que este, durante a campanha presidencial, tratou dos pagamentos à atriz porno Stormy Daniels — a mulher que alega ter tido um caso amoroso com o atual Presidente dos EUA, casado com Melania Trump. Mas serão estes documentos suficientes para reabrir a investigação que foi encerrada sem que se provasse o envolvimento de Trump? Provavelmente, não.

Os documentos mostram que Donald Trump falou várias vezes ao telefone nos dias que antecederam os pagamentos a Stormy Daniels, feitos pelo advogado Michael Cohen, que hoje está preso a cumprir pena de três anos (precisamente por causa deste caso) mas que há muito argumenta que foi sob a orientação de Trump que fez esses pagamentos. Mas o processo contra Trump, que escrutinou o envolvimento de Trump neste caso, já foi encerrado, sem consequências. E, segundo o The New York Times, não é provável que o caso seja reaberto.

O advogado atual de Trump, Jay Sekulow, reagiu de forma direta, ao The Washington Post: “caso encerrado”. Já Michael Cohen garantiu, num comunicado enviado a partir da prisão onde se encontra, a norte de Nova Iorque, que “eu e membros da Organização Trump fomos instruídos pelo Sr. Trump para tratar do tema Stormy Daniels, incluindo para fazer o pagamento para silenciar”. O facto de a investigação a Trump, a este respeito, ter sido fechada sem acusação formal “deve ser motivo de grande preocupação para o povo americano”, defende Cohen.

As novas revelações que chegaram à imprensa norte-americana indicam que no dia anterior àquele em que foram feitos os pagamentos a Stormy Daniels — no valor de 130 mil dólares — Trump esteve em contacto próximo com Cohen. Nesse dia, os dois falaram ao telefone duas vezes. Aliás, menos de meia hora depois de um dos telefonemas entre Trump e Cohen, o advogado iniciou o processo de abrir uma conta bancária — a mesma conta bancária de onde saiu o dinheiro que, depois, seguiu para a atriz porno.

E comprova-se, também, nestes documentos agora revelados, que Cohen e Trump também falaram ao telefone no dia a seguir ao pagamento, embora não se saiba qual foi o conteúdo da conversa. Para o The New York Times, porém, estas revelações colocam em causa a ideia, alimentada por Trump, de que Cohen agiu por sua iniciativa nos pagamentos à atriz porno — e que o então candidato presidencial não fazia ideia do que se estava a passar.

Não queremos ser todos iguais, pois não?

Maio de 2014, nasceu o Observador. Junho de 2019, nasceu a Rádio Observador.

Há cinco anos poucos acreditavam que era possível criar um novo jornal de qualidade em Portugal, ainda por cima só online. Foi possível. Agora chegou a vez da rádio, de novo construída em moldes que rompem com as rotinas e os hábitos estabelecidos.

Nestes anos o caminho do Observador foi feito sem compromissos. Nunca sacrificámos a procura do máximo rigor no nosso jornalismo, tal como nunca abdicámos de uma feroz independência, sem concessões. Ao mesmo tempo não fomos na onda – o Observador quis ser diferente dos outros órgãos de informação, porque não queremos ser todos iguais, nem pensar todos da mesma maneira, pois não?

Fizemos este caminho passo a passo, contando com os nossos leitores, que todos os meses são mais. E, desde há pouco mais de um ano, com os leitores que são também nossos assinantes. Cada novo passo que damos depende deles, pelo que não temos outra forma de o dizer – se é leitor do Observador, se gosta do Observador, se sente falta do Observador, se acha que o Observador é necessário para que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia, então dê o pequeno passo de fazer uma assinatura.

Não custa nada – ou custa muito pouco. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: ecaetano@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)