Rádio Observador

Maquilhagem

Teddy Quinlivan: modelo transgénero é a cara da nova campanha da Chanel

1.133

Teddy Quinlivan é a primeira modelo transgénero a trabalhar com a Chanel. Já desfilou para as maiores marcas do mundo e agora é o rosto da nova campanha de beleza da maison francesa.

Teddy Quinlivan tem 25 anos a assumiu-se como transgénero em 2017

Getty Images

Há dois anos, a norte-americana Teddy Quinlivan anunciou publicamente ser transgénero. A carreira como manequim tinha descolado em 2015, quando desfilou para a Louis Vuitton. Seguiram-se algumas das passerelles mais cobiçadas do mundo — Prada, Marc Jacobs, Hugo Boss, Dior e Valentino. Agora, aos 25 anos, é o rosto da mais recente campanha de beleza da Chanel e, ao mesmo tempo, a primeira modelo assumidamente transgénero a trabalhar com a maison.

“Descobri que já não choro com coisas tristes, é bem melhor libertar algumas lágrimas em momentos de triunfo. Para mim, este é um desses momentos de choro triunfante. Toda a minha vida tem sido uma luta”, escreveu Quinlivan no Instagram, ao partilhar o vídeo da nova campanha de maquilhagem da marca francesa.

Em 2017, revelou ter-se sentido impelida a assumir-se como transgénero devido ao contexto político e social — foi um statement político, mas também uma libertação a nível pessoal. Afinal, Teddy Quinlivan fez a transição aos 16 anos. Agora, diz-se tomada por um sentimento de vitória e recompensa.

Teddy Quinlivan para a Chanel Beauty © Chanel

“Estive em dois desfiles da Chanel quando ainda vivia em segredo (ou seja, quando ainda não tinha tornado pública a minha identidade trans) e, quando me revelei, sabia que ia deixar de trabalhar com algumas marcas e achei mesmo que nunca mais ia trabalhar com a Chanel. Mas aqui estou eu na campanha de beleza da Chanel”, declarou no mesmo texto.

Esta não é uma estreia para Teddy Quinlivan no segmento da beleza. Recentemente, a modelo protagonizou campanhas para a Milk e para a Redken, embora o feito agora alcançado seja verdadeiramente histórico. Num momento em que a indústria da moda se abre à comunidade transgénero — há menos de um mês, Valentina Sampaio era anunciada como a primeira modelo trans a ser contratada pela Victoria’s Secret –, Teddy conquistou um lugar que muitos julgavam impossível dentro da marca mais cobiçada do mundo.

“O mundo vai derrubar-te, cuspir-te em cima e dizer-te que não vales nada. Cabe-te a ti ter força para continuar de pé, persistir e lutar. Se desistires nunca vais saber o que são lágrimas de triunfo. Obrigado a todos os que fizeram deste sonho uma realidade.”

Não queremos ser todos iguais, pois não?

Maio de 2014, nasceu o Observador. Junho de 2019, nasceu a Rádio Observador.

Há cinco anos poucos acreditavam que era possível criar um novo jornal de qualidade em Portugal, ainda por cima só online. Foi possível. Agora chegou a vez da rádio, de novo construída em moldes que rompem com as rotinas e os hábitos estabelecidos.

Nestes anos o caminho do Observador foi feito sem compromissos. Nunca sacrificámos a procura do máximo rigor no nosso jornalismo, tal como nunca abdicámos de uma feroz independência, sem concessões. Ao mesmo tempo não fomos na onda – o Observador quis ser diferente dos outros órgãos de informação, porque não queremos ser todos iguais, nem pensar todos da mesma maneira, pois não?

Fizemos este caminho passo a passo, contando com os nossos leitores, que todos os meses são mais. E, desde há pouco mais de um ano, com os leitores que são também nossos assinantes. Cada novo passo que damos depende deles, pelo que não temos outra forma de o dizer – se é leitor do Observador, se gosta do Observador, se sente falta do Observador, se acha que o Observador é necessário para que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia, então dê o pequeno passo de fazer uma assinatura.

Não custa nada – ou custa muito pouco. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: mgoncalves@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)