O próximo filme de James Bond, No Time to Die, agendado para estrear a 31 de Março no Albert Hall, em Londres, para depois chegar às salas de cinema a 2 de Abril, traz reforçados motivos de interesse para quem gosta de automóveis. Além das Bond Girls e das monumentais tareias aos maus da fita, vai igualmente ser possível ver os novos Land Rover Defender em acção. E que acção…

No vídeo que o construtor inglês agora divulgou, é possível ver três unidades do Defender aos saltos, habilidades que terminam na maioria das vezes como as rodas para baixo, como é pressuposto, mas noutras com elas para cima. Tudo para provar que nem uma ocasional “capodatela” impede o SUV de continuar a andar, ainda que mais amassado.

Além do Defender, também as motos da Triumph apanham a boleia promocional que os filmes do 007 asseguram, mas o foco está decididamente no jipe inglês, que até aqui sempre foi conhecido pela sua filosofia de “puro e duro” no que respeita ao todo-o-terreno. Se os saltos parecem mais chamativos, a forma como o veículo evolui através dos mares de lama vai impressionar os potenciais clientes.

O Defender vai ser proposto numa versão curta, com 4,32 m de comprimento, e outra mais longa, com 4,76 m, como aliás sempre aconteceu no SUV britânico. Posteriormente surgirá um Defender comercial, com apenas dois lugares, versão que foi durante muitos anos a mais vendida em Portugal.

Mas a nova geração do modelo será a primeira a propor, além das motorizações a gasóleo, com 200 e 240 cv, outras a gasolina com 300 e 400 cv, os primeiros motores híbridos a 48V com o objectivo de reduzir os consumos e as emissões.