Pelo menos uma pessoa morreu e oito ficaram gravemente feridas na sequência da queda de prateleiras enormes de um supermercado na cidade brasileira de São Luís, numa altura em que o local estava cheio de clientes, segundo os bombeiros.

O acidente ocorreu por volta das 20:00 locais de sexta-feira no supermercado Mix Mateus Attackejo, um enorme supermercado grossista em São Luís, capital do Maranhão, no norte do Brasil, anunciaram hoje os bombeiros.

Os socorristas tiveram de trabalhar até de madrugada à procura de eventuais vítimas por baixo dos milhares de produtos espalhados pelo chão e dos ferros torcidos em que foram transformadas, pelo menos, cinco estruturas metálicas de vários metros de altura que foram caindo uma a seguir à outra como um dominó.

Segundo os bombeiros, as operações de resgate foram alargadas por um período de 11 horas e envolveram cerca de 170 operacionais, apoiados por 14 viaturas e ambulâncias.

A única vítima mortal do acidente foi identificada como Elane de Oliveira Rodrigues, funcionária do supermercado.

O grupo proprietário da rede de supermercados, que fechou hoje todas as lojas em sinal de luto, já lamentou o acidente e prometeu ajuda às vítimas e aos afetados.

As causas do acidente ainda estão por apurar, segundo a agência espanhol Efe.

As imagens da altura do acidente, em que se vê dezenas de clientes e funcionários do supermercado a correrem, bem como os primeiros momentos de trabalhos de resgate, tornaram-se as mais vistas nas últimas horas nas redes sociais do Brasil.