A Volkswagen volta a oferecer a versão Variant do Golf, modelo que já vai na 8ª geração. A nova carrinha adopta as linhas gerais da berlina de cinco portas, mas cresce em tamanho e capacidade de bagageira, oferecendo motores a gasolina, diesel e mild hybrid, a começar nos 25.335€.

A nova Variant é 4,7 cm mais comprida do que sua antecessora, garantindo ainda uma distância entre eixos 4,9 cm superior, a que urge somar umas formas mais aerodinâmicas, o que ajuda na redução do consumo. As dimensões mais generosas asseguram mais espaço no habitáculo, onde quem se senta atrás passa a usufruir de mais 3,8 cm do que anteriormente.

Apesar do incremento se ter verificado sobretudo a nível da distância entre eixos, a bagageira acusa ligeiras melhorias (6 litros), atingindo agora 611 litros de capacidade, um bom valor para a classe que pode ainda aumentar até aos 1642 litros com o rebatimento do assento posterior (mais 22 litros). Face ao Golf, a nova carrinha tem mais 6,7 cm entre eixos e 34,9 cm no comprimento.

O Golf Variant está disponível entre nós com várias motorizações, a começar pelo 2.0 TDI, que surge nas versões de 115 cv e 150 cv, com o primeiro a ser proposto por 33.198€ (com caixa manual de 6 velocidades) e o segundo por 47.052€ (com caixa DSG de 7 velocidades).

As versões mais acessíveis montam unidades a gasolina, com o 1.0 TSI de 110 cv a ser comercializado por 25.335€ (com caixa manual), enquanto o 1.5 TSI de 130 cv exige 27.406€ e o 1.5 TSI, de 150 cv, 33.048€. Estes mesmos motores podem ser fornecidos em versões mild hybrid, com ligeiras vantagens nos consumos. O 1.0 eTSI de 110 cv é comercializado por mais cerca de 2600€ (considerando a mesma versão de acabamentos Life), com o incremento do preço a dever-se à inclusão da caixa DSG de 7 velocidades. Tal como o Golf, a Variant é proposta com os níveis de equipamento Golf, Life, Style e R-Line.