Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

O clube chinês Jiangsu Suning Football Club, que foi campeão na China há três meses, anunciou que vai “encerrar operações”. A notícia foi avançada através da conta oficial da equipa no WeChat, como contam vários jornais, com a ESPN. O anúncio explicava que a equipa procura novos patrocinadores mas que teria de “cessar de imediato”.

Além do campeão Jiangsu FC, o grupo detentor do clube tem outras equipas bem sucedidas como a equipa feminina de futebol Jiangsu Suning Women. Por detrás da medida de encerrar estas equipas está a decisão do grupo Suning, uma empresa especializada no retalho de eletrodomésticos também da cidade de Nanjing, no leste da China, de abandonar o foco desportivo no país. O Inter de Milão, que também é detido pela Suning, não está abrangido por esta medida.

Embora estejamos relutantes em nos separar dos jogadores que tanto nos honraram e foram solidários com o clube, temos tristemente que fazer este anúncio”, disse o Jiangsu FC em comunicado.

A agência de notícias chinesa Xinuah, conta que o clube, mesmo após a vitória em novembro, devia salários e prémios aos jogadores. No último ano, o grupo Suning tentou vender, sem sucesso, o clube que acumula milhões de dólares em dívidas.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR