Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

O conhecido talk-show “The Ellen DeGeneres Show”, que estreou em 2003, e no qual a comediante Ellen DeGeneres entrevista no seu sofá celebridades, músicos e pessoas com histórias ou talentos vai terminar no próximo ano. A decisão é da própria e a mudança de vida foi anunciada durante uma entrevista à revista The Hollywood Reporter.

DeGeneres informou a equipa do programa televisivo na terça-feira e no próximo episódio, nesta quinta-feira, vai conversar com Oprah Winfrey sobre as novidades.

O formato conta com cerca de 180 episódios por ano, mais de três mil no total e com mais de duas mil entrevistas a celebridades — estando há quase 20 anos no ar.

A saída da apresentadora de 63 anos não é uma novidade assim tão grande. Como a mesma publicação explica, em 2018 DeGeneres ponderou antes de assinar o contrato por mais três temporadas. Acabou por fazê-lo, mas deixou claro que seria o último acordo.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O espetáculo amplamente conhecido e elogiado pela alegria contagiante já recebeu reconhecimentos como a Medalha Presidencial da Liberdade, por Barack Obama, em 2016, e o Prémio Mark Twain de Humor Americano do Kennedy Center, em 2015.

Uma das possíveis causas para o fim está na queda das audiências, ainda que Ellen negue qualquer ligação. Em julho do ano passado, as condições de trabalho nos bastidores do programa foram investigadas após denúncias de práticas abusivas por parte da apresentadora e de responsáveis do programa. A temporada que se seguiu ao escândalo, a atual, teve uma queda de audiências.

Programa de Ellen DeGeneres investigado por práticas abusivas contra os funcionários nos bastidores

Quando questionada, durante a entrevista, sobre se nunca hesitou quanto à decisão, a comediante negou e explicou que apesar de saber que o último dia vai ser “muito difícil”, também sabe “que está na hora”.

Eu sou uma pessoa criativa, e quando és uma pessoa criativa, precisas constantemente de ser desafiada, é por isso que decidi apresentar os Óscares e decidi voltar para o stand-up, quando achei que não o faria. Eu só precisava de algo que me desafiasse. E por melhor que este show seja, e por mais divertido que seja, simplesmente não é mais um desafio. Eu preciso de algo novo para me desafiar.

Mas, para o alívio dos fãs da atriz, DeGeneres vai continuar a fazer parte da produtora Warner Bros, já que construiu um amplo portfólio de programas nos últimos anos, como The Masked Dancer da Fox, Ellen’s Game of Games da NBC e Ellen’s Next Great Designer da HBO Max.