Logo Observador
Caixa Geral de Depósitos

Lobo Xavier confirma que foi ele quem revelou a Marcelo o conteúdo dos SMS entre Domingues e Centeno

1.648

Lobo Xavier confirmou que foi ele quem informou Marcelo Rebelo de Sousa do conteúdo dos SMS trocados entre o ex-presidente da Caixa e o ministro das Finanças. Lobo Xavier diz não ter provas contra PM.

PEDRO NUNES/LUSA

António Lobo Xavier confirma que foi ele quem deu a conhecer ao Presidente Marcelo Rebelo de Sousa o conteúdo dos famosos SMS trocados entre António Domingues, ex-presidente da Caixa Geral de Depósitos, e o ministro das Finanças, Mário Centento, avança a SIC Notícias. O conselheiro de Estado não revelou, no entanto, pormenores sobre o conteúdo das mensagens e disse não ter provas do envolvimento do primeiro-ministro.

Lobo Xavier diz ainda que pediu autorização a Marcelo sobre se podia confirmar que tinha sido ele a dar as informações ao Presidente da República: “O Presidente da República teve conhecimento das informações que eu tinha através de um contacto pessoal comigo. Eu próprio perguntei se estava autorizado, se podia confirmar, porque estava numa posição relativamente delicada se me perguntassem, por estar exposto”.

As revelações do ex-dirigente do CDS aconteceram no decorrer do programa televisivo Quadratura do Círculo, onde é comentador residente, a ser emitido na íntegra esta quinta-feira às 23h00. Mas a SIC já está avançar excertos.

Depois de em novembro ter revelado que os compromissos assumidos pelo Governo com os gestores da CGD eram do conhecimento de todos e estavam escritos, no último programa Quadratura do Círculo, emitido a 10 de fevereiro, Lobo Xavier reiterou que houve uma “troca abundante de mensagens” relacionadas com as condições de António Domingues para aceitar liderar a Caixa Geral de Depósitos (CGD). Disse também existirem mais documentos além do que os jornais têm apresentado.

Acho que vai ser muito difícil. Se os documentos que os jornais transmitem e outros que eu sei que existem vierem a ser do conhecimento do público, vai-se perceber que há uma troca abundante de mensagens, de textos, de papéis, sobre a evolução das conversas, das negociações, do que é preciso fazer, de diligências, de como é que se muda a lei, se será suficiente, se não será, e o Tribunal Constitucional e o primeiro-ministro, etc. E eu não sei qual a necessidade de se sujeitar a uma situação destas quando o assunto já devia estar arrumado”, disse na última quinta-feira.

Segundo o jurista, terá sido na sequência destas declarações que Marcelo fez o referido contacto pessoal.

Quando questionado sobre se leu as mensagens em causa, Lobo Xavier respondeu apenas que não poderia dar uma informação ao Presidente da República “sem dominar absolutamente” essa mesma informação.

Mas, no entender de Lobo Xavier, o conteúdo dos SMS confirma a existência de um acordo com a antiga administração da Caixa com vista a dispensar António Domingues de apresentar as declarações de rendimentos. “Sempre disse que os textos, fosse qual fosse a sua natureza ou suporte, revelava a existência de um acordo, um entendimento, de um projeto comum de uma solução que dispensasse António Domingues das declarações”, disse Lobo Xavier, acrescentando que desconhece o grau de envolvimento de António Costa. “Não tenho nenhuma evidência da participação do primeiro-ministro”.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: acmarques@observador.pt