Explicador

Viagens à Oracle e Huawei. Os problemas são éticos ou legais? 15 respostas para perceber os casos

Agosto 201731 Agosto 2017
Cátia BrunoJoão Francisco Gomes

Quais são as empresas em causa?

Pergunta 3 de 15

No caso das viagens ao Euro-2016, falamos apenas da Galp. Relativamente às viagens à China, temos o envolvimento da Huawei e da sua parceira NOS, que pagaram as viagens e ou estadia. A Huawei chegou a fazer um comunicado a dizer que não pagou quaisquer viagens. Mas a “hospitalidade” em território chinês terá ficado à sua responsabilidade.

Relativamente à ida ao evento em São Francisco, a Oracle Corporation terá pago os passes de acesso ao evento e repartido as despesas de deslocação com várias empresas suas parceiras como: a Timestamp, a Normática, a IDW e a ITEN Solutions.

Há ainda a registar o envolvimento da Informantem, cujo presidente do seu conselho de administração, Henrique Muacho (militante do PSD), esteve por detrás do convite a vários políticos à sede da Huawei e fez também parte dos convidados privados que foram ao evento da Oracle em São Francisco.

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site