Explicador

Viagens à Oracle e Huawei. Os problemas são éticos ou legais? 15 respostas para perceber os casos

Agosto 201731 Agosto 2017
Cátia BrunoJoão Francisco Gomes

O convite da NOS viola as regras internas da empresa?

Pergunta 14 de 15

Depende de como for interpretado o convite para a viagem. O Código de Ética da NOS é claro no que toca a “repudiar qualquer prática de corrupção ou suborno na sua forma ativa ou passiva”. No entanto, no que toca à oferta de presentes a entidades externas, abre a porta a interpretações ao sublinhar que “a oferta de bens, serviços ou quaisquer vantagens” é admissível “desde que, cumulativamente, seja efetuada em nome da empresa, esteja relacionada com a sua atividade e corresponda aos usos ou às práticas habituais do setor”.

Contactada pelo Observador, fonte oficial da NOS recusou comentar a notícia enquanto decorrerem os procedimentos internos de apuramento dos factos, remetendo para o esclarecimento enviado esta semana às redações. Nessa nota, lê-se que “a política e regras em vigor na NOS não preveem a possibilidade de a empresa suportar, mesmo que parcialmente, custos de deslocações que não os dos seus próprios colaboradores” — o que parece indicar uma aparente contradição entre as viagens à China e as normas internas da empresa.

No comunicado, a empresa confirma mesmo que pagou, em junho de 2015, a viagem à China de 14 pessoas — das quais apenas cinco são colaboradores da NOS. “O enquadramento deste pagamento encontra-se ainda a ser apurado”, lê-se na nota. Por isso mesmo, “a Comissão Executiva da NOS prontamente decidiu apurar internamente o enquadramento e detalhe de um eventual envolvimento da empresa na referida viagem”.

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site