Os juros da dívida soberana de Portugal estavam a subir em todos os prazos, com os investidores atentos aos desenvolvimentos em torno do Banco Espírito Santo (BES).

Pelas 09:45, os juros a dois anos estavam subir para 0,988%, acima dos 0,946% de segunda-feira.

Na maturidade dos cinco anos, os juros estavam também a subir dos 2,505% para 2,547%.

No prazo de 10 anos, os juros estavam a crescer dos 3,808% para os 3,827%.

Nas últimas semanas, foram tornados públicos vários problemas no Grupo Espírito Santo (GES), a que se juntam alterações na gestão do BES, com a saída do líder histórico do banco, Ricardo Salgado. Situação à qual alguns analistas justificam a subida recente dos juros da dívida de Portugal.

Na passada sexta-feira, o Banco de Portugal garantiu que o BES detém um montante de capital “suficiente” para acomodar eventuais impactos negativos decorrentes da exposição ao GES, tranquilizando os clientes em relação aos seus depósitos.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Esta terça-feira é a data-limite para a Rioforte, empresa do Grupo Espírito Santo (GES), pagar 847 milhões de euros dos 900 milhões de euros de dívida à Portugal Telecom (PT).

Os jornais económicos avançam, no entanto, a possibilidade da operadora liderada por Henrique Granadeiro acordar com a Rioforte o adiamento do reembolso desta dívida.

Juros da dívida soberana em Portugal, Grécia, Irlanda, Itália e Espanha cerca das 09:30:

 

2 anos… 5 anos… 10 anos

Portugal

15/07….. 0,988….2,547….3,827
14/07….. 0,946….2,505… 3,808

Grécia

15/07….. n disp…n disp…..6,259
14/07….. n disp…n disp…..6,245

Irlanda

15/07……0,141….0,823….2,308
14/07……0,156….0,832….2,305

Itália

15/07……0,544…..1,372……..2,864
14/07……0,552…..1,383……2,877

Espanha

15/07……0,447….1,329….2,754
14/07……0,451….1,351….2,773

Fonte: Bloomberg Valores de ‘bid’ (juros exigidos pelos investidores para comprarem dívida) que compara com fecho da última sessão.