Pelo menos 24 pessoas morreram e 271 ficaram feridas numa série de explosões em gasodutos ocorridas na noite de quinta-feira na cidade de Kaohsiung, no sul de Taiwan, informaram as autoridades, ao divulgar novo balanço.

“As explosões de quinta-feira provocaram a morte de pelo menos 24 pessoas e feriram outras 271”, informou o Serviço Nacional de bombeiros de Taiwan, citado pela AFP. Quatro das vítimas mortais e 22 feridos eram bombeiros. Os feridos, maioritariamente afetadas por queimaduras, foram transportados para os hospitais.

As fugas de gás começaram às 20h46 de quinta-feira (13h46 em Lisboa) e às 23h59 (16h59 em Lisboa) ocorreram múltiplas explosões numa zona de dois a três quilómetros quadrados, no distrito de Cianjhen, segundo dados do Serviço Nacional de bombeiros de Taiwan citados pela agência Efe.

As explosões, que se estima terem sido provocadas por fugas de gás nos gasodutos subterrâneos, foram poderosas o suficiente para destruir carros e esventrar estradas pavimentadas, descreve a AFP.

Na sequência das explosões, uma vala aberta ao longo de uma estrada ‘engoliu’ carros de bombeiros e outros veículos. Testemunhas descreveram as explosões como se tivessem sentido um “tremor de terra”.

“Eu vi o fogo a subir até a uma altura de possivelmente 20 andares depois de uma explosão, e automóveis e carros de bombeiros a explodirem, enquanto cerca de 10 corpos jaziam na rua”, disse à AFP Johnson Liu.