Oeste da Austrália, sexta-feira, duas da tarde. Um homem tem vontade de ir beber um copo ao pub mais próximo e decide seguir até à cidade vizinha para matar a sede. A história seria banal, não fosse o meio de transporte escolhido pelo australiano de 37 anos. Decidiu fazer-se à estrada numa avioneta.

De acordo com o ABC, a polícia de Esperance foi chamada ao Newton Hotel, também conhecido por Purple Pub, depois de algumas testemunhas terem assistido à curta viagem feita pela avioneta na terra, e não no ar. A avioneta estava estacionada à porta do estabelecimento, dentro (tanto quanto possível) das marcas destinadas aos carros.

A polícia de Esperance mostrou sentido de humor e até prometeu um chocolate Mars a quem criasse a melhor legenda para a fotografia do avião estacionado.

A polícia alertou o piloto para o perigo que constitui para os outros cidadãos andar no meio da cidade com uma avioneta, especialmente para as muitas crianças que saíam da escola naquele momento. Sobretudo porque a avioneta não tinha volante.

Não se conhece a explicação dada pelo proprietário da avioneta para a escolha deste meio de transporte. Mas nem sequer se pode dizer que optou por ir de avião porque no céu não há operações stop para soprar ao balão. A avioneta também não tinha asas.