Um carro-bomba atacou um comboio de veículos das Nações Unidas, na manhã de quarta-feira, matando três pessoas e ferindo sete, avança a Associated Press. A explosão teve lugar nas imediações do aeroporto da capital da Somália, Mogadishu. Há também informações que indicam que houve tiroteio após o atentado.

Relatos na imprensa internacional sugerem que o número dois dos serviços secretos do distrito de Dharkenley estará entre as vítimas. O ataque ainda não foi reivindicado, mas a BBC coloca o nome do grupo militar al-Shabab em cima da mesa porque atuam recorrendo a carros-bomba.

Segundo Julia Macfarlane, uma jornalista da BBC, as embaixadas do Reino Unido e Itália ficam perto da zona onde aconteceu o ataque.

https://twitter.com/MogadishuNews/status/540050941777821696

https://twitter.com/Daudoo/status/540035637395869696