A inflação anual da zona euro saiu do terreno negativo em abril, com os preços a ficarem iguais, face ao mesmo mês do ano passado.

Os dados do Eurostat indicam que a evolução dos preços ficou a zero, o que compara com a queda de 0,1% dos preços registada em marco. A inflação zero registou-se também na União Europeia.  

Portugal está do lado dos países que puxam os preços para cima com uma inflação anual de 0,5% em abril, o que corresponde a uma continuação da retoma dos preços face a março, mês em que foi interrompida uma série trimestral de queda de preços na economia portuguesa.

O organismo de estatística da União Europeia assinala que foram os restaurantes e cafés, rendas e produtos frescos a puxarem os preços para cima. Os combustíveis pressionaram os preços no sentido contrário.

O Eurostat realça que há ainda 12 países da União Europeia com taxas de inflação negativas, incluindo a Espanha, a Grécia e a Irlanda, membros da zona euro que tiveram assistência financeira.

Um dos objetivos do programa do Banco Central Europeu de expansão monetária é combater a deflação, evolução negativa dos preços.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR