O primeiro-ministro grego usou a sua conta de Twitter em inglês para tecer críticas à política de defesa da Turquia e ao seu empenho na crise dos refugiados. Tsipras escreveu quatro tweets no domingo à noite, logo a seguir ao Conselho Europeu que juntou os 28 líderes da União Europeia e a Turquia para tentar chegar a um acordo que trave o fluxo de migrantes que chegam diariamente à Europa através do país.

Atenas e Ancara têm uma longa história de divergências sobre o seu espaço aéreo, com a Turquia a reportar muitas vezes a entrada de jatos gregos no seu espaço aéreo e vice-versa. Alexis Tsipras começou por escrever: “Para o primeiro-ministro Davutoğlu: Felizmente os nossos pilotos não são temperamentais como os vossos contra os russos #EuTurkey”. Seguiram-se mais três tweets no mesmo sentido, em que o primeiro-ministro grego apela às autoridades turcas para se preocuparem menos em termos militares e mais com a crise dos refugiados.

“Estamos a pagar milhares de milhões de euros em armas. Vocês para violarem o nosso espaço aéreo, nós para vos interceptarmos #EUTurkey”, podia ler-se noutro tweet do primeiro-ministro grego. O primeiro-ministro turco que esteve em Bruxelas respondeu ao primeiro tweet de Tsipras dizendo apenas que os comentários sobre pilotos “não pareciam em sincronia com o espírito do dia”. Tsipras acabou por apagar todos os comentários feitos na noite de domingo da sua conta em inglês, mas manteve os comentários em grego, como se pode ver no tweet em baixo.

Até agora, ainda não houve qualquer esclarecimento formal sobre esta troca de mensagens públicas.