Se existiu uma mudança no futebol de formação nacional na última década, a mesma esteve relacionada com a idade base de recrutamento dos jovens talentos, que nasceu de 11/12 anos para 7/8. Mas será possível saber-se se uma criança que nem à quarta classe chegou vai dar craque? Os clubes acham todos que sim. E a Nike também. De tal forma que acaba de assinar contrato de patrocínio de cinco épocas com um miúdo de nove anos.

View this post on Instagram

Very proud signed my first contract with @nike ?

A post shared by Shane Kluivert (@shanekluivert) on

Mas este contrato recorde a nível de precocidade (é o europeu mais novo de sempre com este tipo de compromisso com a marca americana) não é um contrato qualquer. Pelo primeiro nome, Shane, não se vai lá. Mas pelo apelido percebe-se tudo: o pequeno jogador é filho do antigo avançado Patrick Kluivert (também ele filho de um antigo jogador, Kenneth, internacional pelo Suriname), que passou por clubes como Ajax, AC Milan, Barcelona, Newcastle, Valencia, PSV e Lille antes de ser adjunto e diretor de futebol do PSG na época 2016/17, até chegar Antero Henrique.

No ano passado, Justin Kluivert, também ele filho de Patrick, ganhou protagonismo ao subir com apenas 17 anos à equipa principal do Ajax; agora, o destaque vai para Shane, avançado das camadas jovens do PSG que faz a delícia de inúmeros seguidores dentro e fora de campo, através das suas páginas pessoais no Instagram (onde tem quase 130 mil seguidores) e no Youtube.

https://www.instagram.com/p/BSa4pZJFWie/?taken-by=justink_&hl=en

E como é possível haver este tipo de apostas da Nike? À semelhança da Adidas, a marca tem um departamento de recrutamento de talentos em várias modalidades, como a BBC recordou através de uma reportagem do The New York Times sobre o tema. Mas para acabar de vez a curiosidade, nada como ver alguns vídeos do prodígio…

View this post on Instagram

?@shanekluivert #psg-psv @psg

A post shared by Patrick Kluivert (@patrickkluivert9) on