Uma visita da chanceler alemã, Angela Merkel, a um jardim-escola da Caritas, em Colónia, está a ser notícia por um motivo invulgar: nas imagens de Merkel, sentada a brincar com as crianças, surge em segundo plano um par de ursos de peluche que alguém colocou em posição sugestiva.

As imagens, registadas pelos fotógrafos da agência Reuters, sugerem que nem Angela Merkel, nem ninguém da sua equipa, se terá apercebido do que estava no enquadramento em que aparecia a chanceler alemã. Um urso de peluche castanho e outro, branco, a imitar um urso polar, tinham sido colocados em cima de uma “casa” por trás de onde se saberia que Merkel se iria sentar, enquanto participava nas brincadeiras das crianças.

Imagem: Reuters

Angela Merkel teve um dos momentos mais penalizadores para a sua imagem pública, nos últimos anos, quando apareceu a dizer a uma criança filha de refugiados que não podia entrar toda a gente na Alemanha. A chanceler alemã acabaria por anunciar uma política de “fronteiras abertas” que parte do seu eleitorado também não terá apreciado, a julgar pela ascensão de partidos como o AfD (Alternativa para a Alemanha).

A visita à Associação Caritas poderia ter sido uma forma de demonstrar a preocupação de Merkel com as crianças, mas o exercício acabou por ser marcado pelo conteúdo inesperado das fotos da Reuters, que apareceram em jornais como o The Times e levaram a vários comentários nas redes sociais. “O que estão a fazer aqueles ursos atrás de Angela Merkel?”

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Imagem: Reuters