O Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) confirmou esta quinta-feira as desclassificações por doping impostas pelo Comité Olímpico Internacional (COI) a três atletas russas, duas das quais medalhadas em Jogos Olímpicos.

As atletas desclassificadas são Maria Abakumova, medalha de prata no lançamento do dardo nos Jogos Olímpicos Pequim2008, Tatyana Lebedeva, que nos jogos disputados na China conquistou prata no salto em comprimento e no triplo salto, e a ciclista Ekaterina Gnidenko, que participou nos Jogos Londres 2012.

As três desportistas, que acusaram consumo de turinabol, um esteroide anabolizante, alegam que os métodos de recolha das amostras não foram validados cientificamente.