As autoridades pensaram ser uma maré alta e não deram nenhum alerta. Chegaram mesmo a apelar à população para não entrar em pânico. Mas um deslizamento submarino causado por mais erupção do vulcão Anak Krakatoa desencadeou uma maré anormal e provocou o tsunami que atingiu Lampung, Samatra, e as regiões de Serang e Pandeglang, em Java.

O rasto de destruição provocado por este tsunami, numa das regiões com mais intensidade sísmica do planeta (fica no Anel de Fogo do Pacífico) — só este ano já houve 11 terramotos com vítimas mortais e este sábado registaram-se quatro antes do tsunami — está bem visível na fotogaleria.

Começam também a surgir os primeiros vídeos em que se vê a água a chegar e a destruir tudo à sua passagem.