Poesia

Documentário sobre António Botto estreia a 19 de março na RTP 2

161

"À Procura de António Botto", de Cristina Ferreira Gomes, foi apresentado em Portugal este sábado, no âmbito do colóquio "António Botto & Fernando Pessoa". Estreia na televisão acontece na RTP 2.

Este fim de semana, decorreu em Lisboa o colóquio internacional "António Botto & Fernando Pessoa: Poéticas em Diálogo"

KIMMY SIMÕES/OBSERVADOR

“À Procura de António Botto”, realizado por Cristina Ferreira Gomes, vai estrear a 19 de março na RTP 2. O documentário, filmado em Portugal e também no Brasil, onde Botto viveu os últimos 12 anos da sua vida, vai passar no canal de televisão pelas 23h25, segundo a informação disponibilizada no site da RTP 2.

Com 50 minutos de duração, o filme reúne o testemunho de vários especialistas na obra bottiana, como Anna Klobucka, Nuno Ribeiro, António Fernando Cascais e Richard Zenith, e procura traçar o percurso do importante poeta português que o tempo fez cair no esquecimento, salientando o carácter inovador da sua poesia na história da literatura portuguesa. Botto foi o primeiro poeta português a escrever poesia homoerótica sem véus ou dissimulações.

Além de filmagens de alguns dos materiais que se encontram no espólio, doado à Biblioteca Nacional de Portugal por Dona Carminda, companheira do poeta, quando esta regressou a Portugal vinda do Brasil, o documentário mostra, pela primeira vez, gravações de Botto declamando alguns dos seus poemas.

“À Procura de António Botto”, que partiu de uma ideia de Margarida Almeida Bastos, que “não conseguia perceber como é que” Botto “tinha caído no esquecimento”, foi apresentado primeiramente no Brasil, no âmbito de um colóquio dedicado a Botto organizado no Campus de Araraquara da Universidade Estadual Paulista (UNESP), onde a professora Maria Lúcia Outeiro Fernandes dá aulas sobre o poeta na disciplina de Literatura Portuguesa. A segunda parte do evento decorreu já na cidade de São Paulo, onde o filme foi novamente apresentado no Consulado Geral de Portugal.

A primeira exibição em Portugal aconteceu ao final da tarde deste sábado, na Fundação Calouste Gulbenkian, no encerramento do colóquio “António Botto & Fernando Pessoa: Poéticas em Diálogo”, que arrancou na sexta-feira e que pretendeu assinalar os 60 anos da morte do poeta de Canções. A sessão contou com a presença da realizadora Cristina Ferreira Gomes e de todos os participantes.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: rcipriano@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)