Rádio Observador

António Guterres

António Guterres visita Moçambique na próxima semana

Guterres vai chegar a Nairobi, no Quénia, no dia 9 de julho, e é esperado que faça uma intervenção numa conferência regional africana de alto nível sobre contraterrorismo e prevenção do extremismo.

António Guterres vai participar numa conferência no Quénia e avaliar os esforços de recuperação em Moçambique

YURI KOCHETKOV/EPA

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, vai estar em África na próxima semana, para participar numa conferência no Quénia e avaliar os esforços de recuperação em Moçambique, que foi afetado este ano por dois ciclones.

O porta-voz das Nações Unidas, Stephane Dujarric, afirmou esta terça-feira que António Guterres vai chegar a Nairobi, no Quénia, no dia 09 de julho, e é esperado que faça uma intervenção numa conferência regional africana de alto nível sobre contraterrorismo e prevenção do extremismo.

Guterres também se vai reunir com o Presidente do Quénia, Uhuru Kenyatta, e vai participar numa reunião com jovens envolvidos em programas para evitar o extremismo violento.

Stéphane Dujarric disse que Guterres vai voar depois para a capital de Moçambique, Maputo, no dia 10 de julho, para reuniões com o Presidente Filipe Nyusi e outros responsáveis moçambicanos.

No dia 12 de julho, Guterres vai viajar para a Beira, para conversar com os sobreviventes dos ciclones Idai e Kenneth e outros elementos envolvidos nos esforços de recuperação.

O ciclone Idai atingiu o centro de Moçambique em março, provocando 604 vítimas mortais e afetando cerca de 1,8 milhões de pessoas.

Pouco tempo depois, Moçambique voltou a ser atingido por um ciclone, o Kenneth, que se abateu sobre o norte do país em abril, matando 45 pessoas e afetando outras 250.000.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
António Costa

O favor que Costa fez à direita /premium

Sebastião Bugalho

Nestes quatro anos, Costa normalizou tudo aquilo que a direita se esforçou por conquistar, o que levanta uma questão simples: o que poderá dizer o PS contra um futuro governo do centro-direita?

Combustível

O mundo ao contrário /premium

João Pires da Cruz

Se o seu depósito é mais importante do que aquilo que os pais deste bebé sentiram quando lhes disseram que o filho deles morreu instantes depois do nascimento, é porque tem o mundo ao contrário.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)