Duas pessoas foram mortas a tiro nesta quarta-feira, em Halle, na Alemanha, na sequência de um tiroteio que terá ocorrido junto a uma sinagoga, avança o jornal alemão Bild. O alegado autor dos disparos, que terá agido sozinho, já foi detido e identificado: de acordo com a revista Der Spiegel, o homem tem 27 anos e chama-se Stephan B.

A Der Spiegel avança, apoiando-se em fontes policiais, que o homem detido tinha um vídeo do ataque em sua posse, uma vez que tinha uma câmara presa ao capacete na altura dos disparos. Na gravação é possível ouvir Stephan B. a insultar judeus e estrangeiros.

Apesar de alguns meios da imprensa alemã assegurarem que o ataque foi perpetrado apenas por um atacante de extrema-direira, a Reuters continua a falar em três atacantes.

De acordo com um porta-voz do procurador-geral federal, citado pela Euronews, há indícios suficientes de que o crime tenha um enquadramento associado à extrema-direita. Entretanto, a chanceler alemã Angela Merkel, através de um porta-voz, classificou o incidente de atentado. Já o ministro do Interior alemão referiu-se a um ataque “antissemita”.

A polícia alemã confirmou a existência de duas vítimas mortais na sequência de um tiroteio. Um dos suspeitos já foi detido e poderá haver outros suspeitos em fuga.

A operação policial para captura dos outros suspeito em fuga está ainda a decorrer e as autoridades pedem à população para se manter em alerta até que a situação esteja estabilizada.

O jornal alemão Bild noticia ainda que uma granada de mão foi lançada no templo judeu e que um dos agressores terá disparado vários tiros com uma metralhadora, resultando na morte de um homem e uma mulher, ferindo ainda várias pessoas.

O tiroteio acontece no mesmo dia em que se assinala o Yom Kipur ou Dia de Expiação, uma das datas mais importantes na religião judaica.

Um vídeo amador mostra o momento em que um dos atiradores começa a disparar atrás do carro.

Segundo o Bild, além dos disparos em Halle, também houve disparos a cerca de 15 quilómetros de distância, em Landsberg. Detalhes do incidente na vila a leste de Halle ainda não são conhecidos e não é certo se os dois acontecimentos estão relacionados.

Em atualização