Apostada em cumprir o limite de emissões de dióxido de carbono imposto por Bruxelas para 2020 (95g CO2/km) e, assim, escapar a penalizações, a Volvo arranca o ano com uma campanha específica para os seus híbridos plug-in (PHEV), que consiste em oferecer um ano de electricidade grátis a quem já encomendou ou venha a encomendar um PHEV do construtor sueco.

Segundo a marca, podem usufruir desta oferta os clientes que reservarem um híbrido Plug-in Volvo até 16 de Abril. Porém, todos aqueles que já o fizeram após 16 de Outubro de 2019 – dia em que a Volvo apresentou o seu primeiro modelo 100% eléctrico, o XC40 Recharge – estão igualmente abrangidos por esta “benesse”, que torna ainda mais interessante explorar a principal vantagem dos PHEV, isto é, circular sempre que possível em modo eléctrico, baixando o consumo e as emissões. Isso implica recarregar a bateria do veículo, algo que várias pesquisas já concluíram que não corresponde à realidade de utilização dos PHEV em muitos casos. Ainda assim, os PHEV são um “instrumento” essencial para que os construtores respeitem as normas antipoluição mais restritivas, pois este tipo de conjunto motopropulsor é beneficiado pelo método europeu WLTP, na medida em que este protocolo de homologação mede os consumos e as emissões nos primeiros 100 km partindo do pressuposto que o veículo arranca com a bateria cheia. Com esta campanha da Volvo, haverá menos “desculpas” para que assim não seja. Afinal, recarregar o acumulador passa a ser grátis.

De notar que a gratuidade não é imediata (detalhes da campanha aqui). A Volvo esclarece que os híbridos plug-in comercializados ao abrigo desta campanha “receberão electricidade gratuita durante um ano num reembolso pela electricidade utilizada para carregar o automóvel durante um período de 12 meses, num cálculo realizado através da aplicação Volvo on Call”. O reembolso terá lugar um ano após o início do período de medição, o que acontece em Maio.