Vira. Do livro do bebé ao Calimentário

É um calendário de alimentos e comeu umas sílabas ainda antes de a primavera começar. Organizado por estações, o Calimentário nasceu para ajudar a cozinhar com o que está na época. As ilustrações foram feitas por Marta Cores e os textos pelas mesmas autoras do projeto Food For Change, com direito a receitas e mezinhas. Este é o mais recente lançamento da Vira, uma pequena editora independente que tem outras três publicações em português, todas elas disponíveis na loja online e os preços começam nos 12€.

Penhaligon. A ficção olfativa da aristocracia britânica

É uma espécie de The Crown da perfumaria. Uma “ficção olfativa” da aristocracia britânica em perfumes, com direito a árvore genealógica recheada de intrigas, amantes e sentido de humor. A marca por trás de tal enredo é a Penhaligon, criada por um barbeiro e perfumista em Londres há mais de 150 anos e finalmente à venda em Portugal, em exclusivo no El Corte Inglês de Lisboa. A linha aristocrática chama-se Portraits e destaca-se desde logo pelos frascos, cujas tampas são cabeças de animais. Como qualquer ficção, esta linha tem sido lançada em capítulos e conta já com 16 perfumes/personagens, cada um com uma pequena biografia escrita na embalagem que se reflete na própria composição olfativa. Lord George (cabeça de veado) é o patriarca, Lady Blanche (leopardo) é a ambiciosa “filha predileta da sociedade londrina” que planeia envenenar o marido, e à volta de ambos gravitam “The Heartless Helen”, “The Blazing Mr. Sam”, “Terrible Teddy” ou ainda “The Ingénue Cousin Flora”, entre muitos outros. Alta perfumaria com um preço correspondente: 243,20€ cada eau de parfum de 75 ml.

Dois Pontos. “Uma revista para crianças curiosas e criativas”

Como o sinal de pontuação, a Dois Pontos chegou para explicar coisas: como fazer um caleidoscópio em casa, qual é o desporto mais louco do mundo, o que são exoplanetas ou como funciona a internet, entre muitos outros exemplos. Apresentada como “a nova revista ilustrada para crianças curiosas e criativas”, a primeira edição é dedicada ao tema da diversão e tem Jaime Ferraz como ilustrador convidado. Para leitores dos 7 aos 11 anos, o primeiro número saiu em janeiro. Com uma periodicidade trimestral, o segundo número da revista já está disponível para pré-venda e tem Joana Estrela a ilustrar uma edição dedicada ao som. À venda online e em livrarias por 6€.

Decenio x Alexandra Moura, da passerelle para a loja

Em outubro do ano passado, Alexandra Moura revelou o resultado da sua colaboração com a Decenio num desfile que marcou o regresso da criadora à passerelle da ModaLisboa. A coleção segue muitos dos traços criativos de Alexandra Moura — “o trabalho das volumetrias, as peças clássicas desconstruídas, a modelagem, o efeito inacabado”, como a própria explicou ao Observador em setembro de 2019 –, e uma parte dela chega agora à loja online da Decenio. As 18 peças selecionadas são postas à venda no dia 17 de abril. Os preços vão dos 49,95 aos 199,95 euros.

Uma Mikro escova elétrica

Isso agora é que foi uma bela ideia. Depois de criar a escova de dentes elétrica ISSA, a Foreo lança no mercado português a versão mikro, para crianças. Como filha de sua mãe, a nova escova é muito semelhante à primeira: colorida e feita em silicone cirúrgico, num design original, traz um temporizador que avisa quando é altura de mudar de área de lavagem. Para bebés e crianças dos 0 aos 5 anos, a versão infantil inclui também um modo massagem, para quando ainda não há dentes – a ideia é massajar as gengivas e atenuar o desconforto – e também aquilo a que a marca chama “assistente do sorriso”: uma cara que aparece no final, feliz ou triste, para mostrar se a escova foi bem usada. Preço: 99€.

“Stay Home”. Um apelo solidário na forma de um par de meias

Numa coisa, acho que já todos estamos de acordo: a melhor forma de ajudar a combater a atual pandemia é ficar em casa. A Sockapro criou um par de meias que deixa a mensagem bem clara e chamou-lhe “Stay Home Socks”. O lançamento da marca portuguesa tem uma vertente solidária, com parte do valor das vendas a reverter para o Serviço Nacional de Saúde, uma segunda forma de apoiar com está na linha da frente, além de ficar em casa com os pés quentinhos. Existem conjuntos de três, cinco e nove pares, à venda loja online, que custam 5, 7 e 9 euros, respetivamente. O valor do donativo é proporcional ao preço e vai dos 50 cêntimos aos 1,5 euros.

“Vimos e Gostámos” é uma rubrica que pretende mostrar os novos lançamentos que vale a pena conhecer.