A Direção-Geral da Saúde tem recomendações próprias para os doentes com Covid-19 que se encontrem isolados na própria casa, que incluem a permanência “numa divisão própria” e a não partilha de “espaços comuns (…), pratos, copos, utensílios de cozinha, lençóis ou outros objetos pessoais”. Porém, para um número significativo de famílias portuguesas, estas recomendações são impossíveis de seguir. É o caso de uma família de Santa Maria da Feira, com seis dos nove elementos infetados com Covid-19, que partilha um T2 por falta de recursos, cuja história é contada na edição desta quinta-feira do Jornal de Notícias.

De acordo com o JN, a situação daquela família agravou-se quando, há dois anos, Sara Gomes (29 anos) e o marido foram despejados da sua habitação e encontraram abrigo na casa dos pais da jovem. Ali, já viviam também a irmã de Sara com o marido e uma filha. Sara e o marido vivem há vários meses no chão da sala dos pais, onde têm uma cama improvisada. Foi ali que a mulher passou o período da gravidez e atualmente a mesma cama é partilhada por quatro pessoas — o casal e os dois filhos —, que continuam a aguardar por habitação social por parte da câmara municipal.

Vivo com um familiar infetado com coronavírus. O que devo fazer?

Atualmente, seis elementos do agregado, incluindo Sara e o cunhado, encontram-se infetados com a Covid-19, mas as condições da casa não permitem o cumprimento das normas. Sara continua a dormir no chão da sala com o marido e os filhos, enquanto o cunhado procurou isolar-se a dormir dentro do guarda-fatos para evitar ser infetado com a doença — uma vez que apenas ele o marido de Sara trabalham para sustentar aquele agregado familiar. Sem alternativas, os nove elementos partilham casas de banho e cozinha.

Ainda segundo o JN, que recolheu o testemunho de Sara Gomes e publicou fotografias da casa, o casal já fez uma candidatura à habitação social, mas ainda se encontra à espera da sua vez. Até lá, a família tem vivido dos empregos do marido e do cunhado e de um conjunto de apoios financeiros dados pelos amigos.