Obrigado por ser nosso assinante. Não se esqueça de subscrever a nossa Newsletter exclusiva dos bastidores.

A RTP vai alargar a 21 os debates entre os candidatos presidenciais para incluir Vitorino Silva, mais conhecido por Tino de Rans, nos frente-a-frente com Marcelo Rebelo de Sousa, Ana Gomes, Marisa Matias, Tiago Mayan Gonçalves, João Ferreira e André Ventura.

Em resposta ao Público, António José Teixeira, diretor de informação do canal público, assegurou que “todos os candidatos terão oportunidade de debater com todos os candidatos na RTP“. ” Em circunstância alguma, [a RTP] deixará de marcar a diferença, pela positiva, no alargamento do debate público”, acrescentou.

O presidente do partido Reagir, Incluir, Reciclar (RIR), tinha sido excluído dos debates na RTP, SIC e TVI entre 2 a 9 de janeiro. A decisão foi polémica porque a candidatura foi legitimada pelo Tribunal Constitucional, mas as televisões argumentaram que tinham decidido descartar o candidato com base em critérios editoriais.

Agora, a RTP recuou — uma decisão que será conhecida oficialmente esta terça-feira. Se nenhuma das outras televisões mostrar disponibilidade para receber os debates com Tino de Rans, a RTP vai assumir a transmissão dos seis frente-a-frente com o candidato. A calendarização dos debates será conhecida nos próximos dias.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR