Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Chegou ao fim mais uma edição da Semana da Moda de Milão. Durante sete dias, os grandes, mas também os emergentes, da moda italiana apresentaram as suas coleções para a próxima estação fria. Houve celebrações — a Max Mara não deixou que o seu aniversário redondo passasse em claro –, surpresas e um carimbo português. Gonçalo Peixoto estreou-se no calendário de apresentação com um desfile gravado em Portugal. Alexandra Moura mostrou um formato bem mais conceptual, reiterando o posto conquistado ao lado das principais marcas italianas. Entre essas, eis os destaques da última semana.

Missoni: uma coleção para 2021

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.