Crise dos Refugiados

Charlie Hebdo lança mais uma capa polémica. Agora com Aylan Kurdi

873

O jornal satírico Charlie Hebdo está outra vez no centro da polémica ao publicar duas capas a retratar a morte de Aylan Kurdi. Há acusações de racismo, mas também quem defenda a revista.

EPA/BAS CZERWINSKI

O jornal satírico francês Charlie Hebdo está, de novo, no centro da controvérsia depois de mais uma capa polémica. Agora o alvo são os refugiados. Mais concretamente Aylan Kurdi, a criança síria que apareceu numa praia na Turquia depois de se ter afogado.

Recorde-se que, em Janeiro passado, e depois de terem sido publicadas algumas capas com desenhos a satirizar o profeta Maomé, 12 pessoas foram mortas num atentado contra o jornal francês e outras cinco pessoas foram assassinadas nos dias seguintes no assalto a um supermercado judaico.

Agora, o jornal satírico publicou uma imagem retratando Aylan Kurdi na praia turca. A acompanhar a imagem está uma mensagem que diz: “Tão perto do objetivo…” e um cartaz na praia assinala: “Promoção! 2 menus criança pelo preço de um.”

Esta imagem está já a gerar indignação nas redes sociais. No entanto, outra publicação retrata um homem, que aparenta ser Jesus Cristo, ao lado de uma criança afogada e com o seguinte texto: “A prova de que a Europa é cristã. Os cristãos andam sobre a água. As crianças muçulmanas afundam.”

O debate sobre estas imagens e sobre a verdadeira intenção da sua publicação já começou nas redes sociais. Há quem acuse o Charlie Hebdo de racismo ao gozar com os curdos. No entanto, há quem discorde e que argumente que estes cartoons versam sobre a reação europeia em relação à crise dos refugiados.

Também nas redes sociais correm já rumores de que as capas aqui retratadas são falsas ou foram manipuladas.

(editado por David Dinis)

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site