Receitas

Gratinado de beringela

375

Entre o final do verão e o início do outono, nada como tirar partido das duas estações: nesta receita aproveitam-se as primeiras beringelas do ano e, provavelmente, os últimos tomates frescos.

Teresa Rebelo

Autor
  • Teresa Rebelo

Receber todas as semanas um cabaz de frutas e legumes de agricultores locais, para além de uma opção económica e saudável (não são biológicos, mas pelo menos não viajaram quilómetros nem estiveram dias guardados em frigoríficos até chegarem à minha cozinha), é um desafio. Um desafio porque nunca sabemos exatamente o que nos vai chegar. Há alguns ingredientes clássicos e que raramente falham, como as cebolas e as cenouras, mas depois a seleção nunca é igual e vai variando ao sabor das estações, do tempo e da terra. Esta receita serviu para aproveitar as primeiras beringelas do ano e, provavelmente, os últimos tomates frescos. Com estes, fiz molho de tomate. Uma dose generosa, que deu para fazer um arroz e para animar peixe estufado. O que sobrou, juntei a beringelas grelhadas neste gratinado. Uma espécie de melanzane parmigiana, mas mais simples e… sem parmesão!

gratinado_beringela_mix2TR

Gratinado de Beringela

Para 4 pessoas como entrada, ou para 2 como refeição principal

2 beringelas
2 chávenas de molho de tomate (de preferência caseiro)
1,5 chávenas de queijo cheddar ralado (ou mozzarella)
1 dúzia de tomates-cereja (opcional)
Algumas folhas de manjericão
Óregãos secos
Sal

Lave as beringelas, corte-as às rodelas e coloque-as num passador salpicadas com sal (este procedimento irá retirar algum travo amargo que as beringelas possam ter; se tiver tempo, deixe-as ficar assim cerca de 1 hora).
Ligue o forno nos 200º.
Grelhe as rodelas de beringela, sem gordura, numa frigideira ou grelhador antiaderente. Deixe cozinhá-las até ficarem douradas e amolecidas.
Disponha-as num prato de forno, espalhe o molho de tomate e os tomates-cereja e salpique com algumas folhas de manjericão.
Cubra com o queijo e polvilhe com os óregãos.
Leve a gratinar durante cerca de 12 minutos ou até o queijo ficar derretido e o molho estiver a borbulhar.
Sirva com pão e uma salada verde.

Teresa Rebelo é autora do blogue Lume Brando.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site