Mercedes-Benz

Classe C é actualizado. Mais tecnologia e retoques

O modelo mais vendido da Mercedes acaba de dar a conhecer o seu mais recente "restyling". A estética é (pouco) renovada, mas a tecnologia ao serviço do condutor aumenta, com soluções do Classe E.

Autor
  • Francisco António

A actual geração do Classe C da Mercedes, introduzida em 2015, é alvo de uma renovação que será apresentada em Março, no Salão Automóvel de Genebra. Mas o restyling já foi oficialmente desvendado, com promessas de aumento de potência, pelo menos nalguns motores, além de um incremento na tecnologia e pequenos retoques no design.

O modelo mais vendido da Mercedes em 2017, com um total de 415 mil unidades transaccionadas em todo o mundo (Limousine e Station), surge com alterações, ainda que ligeiras, logo no exterior, onde a grelha frontal com lamela prateada (cromada no Avantagarde, com três barras no Exclusive) passa a ser standard, e lateralizada por novas ópticas de halogéneo com luzes diurnas em LED – os LED High Performance e a novidade Multibeam LED com luzes de máximos Ultra Range são opcionais.

Os pára-choques acusam igualmente ligeiras mudanças, sendo que o traseiro passa a integrar um difusor (linha AMG), ao passo que os farolins exibem não só um novo desenho interior, como tecnologia LED. Novidades a que há ainda que juntar a disponibilização de novas jantes de 17″, como parte do equipamento de série, além da duas novas cores opcionais: Mojave Silver Metallic e Emerald Green Metallic.

Lá dentro, novidades (ainda) mais discretas

Passando ao interior, as alterações são bem menos perceptíveis, a não ser um novo e opcional painel de instrumentos totalmente digital de 12,3” (o de série é de 7″), além de um volante com novos comandos tácteis, permitindo ao condutor controlar as funções disponíveis tanto no painel de instrumentos, como no sistema de infoentretenimento, sem que para isso tenha de tirar as mãos do volante. Continuando, ao mesmo tempo, a dispor do touchpad na consola central, agora já com resposta táctil, e a que junta a possibilidade de comando por voz.

O sistema de acesso e arranque do motor sem chave passa igualmente, a partir de agora, a fazer parte do equipamento de série, assim como a integração do smartphone. E também passam a estar disponíveis uns novos bancos dianteiros multicontorno e uma nova decoração interior Cinza Magma, conjugada com preto. Já nas versões equipadas com a AMG Line, o cliente pode ainda optar por um castanho Saddle, ou então por um bege Silk com preto.

Maiores mudanças não se vêm

Mais do que aquilo que é dado a ver, é longe dos olhares que estão as maiores novidades no agora actualizado Classe C. Entre as quais, uma versão mais evoluída do Intelligent Drive Assist, importada do Classe E, além de radares e câmaras melhorados, sem esquecer a nova capacidade de utilização dos dados fornecidos pelo sistema de navegação, no apoio aos sistemas de ajuda à condução. Soluções que, entre outras mais-valias, permitem ao novo Classe C passar a oferecer algumas funções de condução semiautónoma.

Quanto às motorizações, a americana Motor1 avança um aumento na potência, por exemplo do quatro cilindros 2,0 litros turbo a gasolina, para os 258 cv, embora sem revelar quaisquer outros dados, relativos aos restantes blocos. Que, acredita-se, manter-se-ão os mesmos.

Participe nos Prémios Auto Observador e habilite-se a ganhar um carro

Vote no primeiro concurso em Portugal dedicado ao automóvel cuja votação é exclusivamente online. Aqui quem decide são os leitores e não um júri de “especialistas” e convidados.

Participe nos Prémios Auto Observador e habilite-se a ganhar um carroVote agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site