A bolsa de Lisboa está hoje a negociar em alta, com uma subida de 0,24%, para 5.407,36 pontos, corrigindo da queda de quarta-feira, quando se conheceram as perspetivas de crescimento económico para Portugal difundidas pelo FMI.

Pelas 8:35, das 18 cotadas no principal índice bolsista português, o PSI 20, 14 subiam, duas caíam e outras duas mantinham-se inalteradas, o Banif e a Impresa, respetivamente, nos 0,0073 euros e nos 1,585 euros.

Depois da forte penalização do PSI20 no fecho da sessão na quarta-feira, sobretudo devido ao desempenho da banca e da Portugal Telecom, o índice da praça de Lisboa está a ser animado pela subida da Teixeira Duarte, que lidera os ganhos, ao avançar 2,87% para 0,861 euros, pelo BPI, que sobe 2,59%, para 1,468 euros, com a indicação de que estará interessado na compra do Novo Banco, e pela Mota-Engil que negoceia em alta de 2,25%, para 1,468 euros.

Ainda no setor da banca, o BCP ganha 1,29%, para 0,0944 euros.

Também a elétrica EDP avança 0,91%, para 3,32 euros.

A contrariar as subidas está o ´peso pesado` Portugal Telecom, que recua 2,52%, para 1,585 euros, depois de se saber que os brasileiros da Oi forçaram a renúncia do gestor português Zeinal Bava.