Depois de ter sido vítima de atropelamento na quinta-feira de manhã, Daniel Serrão continua internado na Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital de São João, no Porto. Manuel Serrão, filho, disse ao Observador que o pai “passou a noite a fazer exames” não havendo novidades.

O médico do Porto, várias vezes homenageado pelas suas prestações na área de bioética, encontra-se em coma desde ontem, quinta-feira.

O acidente ocorreu enquanto Daniel Serrão atravessava uma passadeira da Rua Conde de Abranches, onde mora. O médico estaria a fazer o seu ritual diário a caminho da cafetaria onde ia todas as manhãs.

O Expresso adianta que os moradores daquela zona já teriam alertado para o facto de a passadeira estar mal colocada, uma vez que não tem visibilidade e já há muito que pedem um semáforo para o local. O Observador tentou contactar a Junta de Freguesia de Paranhos não estando ninguém presente que pudesse prestar declarações acerca deste assunto.