Pelé, antigo craque e futebolista brasileira, foi esta terça-feira transferido da unidade de cuidados especiais para a de cuidados intermédios do hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde está internado devido a problemas renais.

“O paciente Edson Arantes do Nascimento (Pelé) está bem, sem apresentar complicações e pode circular no seu quarto. Depois de terem sido realizadas análises foi considerado que não será necessário retomar a hemodiálise”, indica o hospital, em comunicado.

A equipa médica tinha iniciado o processo de hemodiálise na quinta-feira, mas suspendeu-o no domingo, por considerar que Pelé, de 74 anos, considerado um dos melhores futebolistas de sempre, estava a fazer “bons progressos” na recuperação da infeção urinária.

Pelé, que se sagrou tricampeão mundial (em 1958, 1962 e 1970) pelo Brasil, foi internado no início da semana passada, poucos dias depois de ter recebido alta hospitalar de uma cirurgia para remover cálculos renais, uretrais e vesiculares.