Chocolate

Aqui há brownies para todos os gostos e feitios

679

Chama-se Lx Brownie e, para agradar a gregos e troianos, não tem só uma mas 13 variedades diferentes da especialidade: do chocolate ao caramelo e do limão à nutella, há de tudo. Até sem glúten.

No quadro de ardósia à entrada anunciam-se os melhores brownies de Lisboa. Para muitos, esta afirmação pode ser apenas uma doce falácia mas o aroma que emana da última fornada da manhã é um bom prenúncio. E até a decoração emprestada por amigos ao (pequeno) espaço de 12 metros quadrados anuncia a enorme paixão de Maria João Martins pela culinária. “Live, love, bake”, lê-se numa das molduras penduradas ao fundo da loja. Um amor para dar e vender que dura há mais de quatro anos. Mas foi só há dois, quando estava de férias em São Paulo, que a cozinheira de 30 anos teve a ideia de abrir uma browneria — como lhe chama — em Portugal.

lx brownie, bolos, brownies,

A decoração do espaço foi emprestada por amigos, família e conhecidos. (foto: ©‎ Fábio Pinto / Observador)

“Com apenas um forno e muita ambição, comecei a fazer brownies para familiares e a receber encomendas de amigos e conhecidos”, conta Maria. Desde aí, não passou um único dia em que não fizesse (ou comesse) um único brownie. Um sucesso inesperado que a levou a adicionar ingredientes q.b. e a misturar mais duas porções à preparação final: as sócias Cláudia Freitas e Ana Mateus. Assim nasceu o Lx Brownie. Uma loja em Campo de Ourique, Lisboa, que se dedica às entregas ao domicílio e ao take away das criações de Maria. “Atualmente vendemos entre 150 a 180 brownies por dia mas o nosso sonho é chegar às mil unidades”, confessa Cláudia.

lx brownie, bolos, brownies,

Maria João Martins e Cláudia Freitas abriram o espaço há duas semanas. (foto: ©‎ Fábio Pinto / Observador)

13 opções de brownies disponíveis, entre doces e salgadas: clássico, caramelo salgado, chocolate de leite com smarties (2,20€), nutella, frutos secos, limão e gengibre, chocolate branco e limão, manteiga de amendoim, frutos vermelhos, chocolate 70% de cacau, sem glúten (2,50€), chocolate 70% de cacau com frutos secos (2,70€) e, por último, red velvet (2,80€), o favorito do público. A receita, essa, é segredo. Não está escrita em lado nenhum. Aliás, reza apenas na memória de Maria João Reis e, agora, na da Cláudia Freitas que se aventurou pela primeira vez na cozinha depois de uma carreira na advocacia. “Normalmente, encerramos a loja às 19h30 e vestimos o avental para produzir brownies até de madrugada.”

lx brownie, bolos, brownies,

O brownie mais vendido é o red velvet. É o que combina a cor vermelha com uma cobertura de queijo creme. (foto: ©‎ Fábio Pinto / Observador)

Até ao momento, recebem em média cinco a seis encomendas diárias. Os pedidos devem ser feitos com 24 horas de antecedência, com um mínimo de 6 unidades para levantar na loja e um mínimo de 12 unidades para entrega ao domicílio na zona da Lisboa – à qual acresce uma taxa de 3€. Na loja, existem sempre cerca de três variedades para experimentar. Mas a dose de criatividade não acaba aqui. Muito pelo contrário. A pedido de várias famílias, Maria está a criar um brownie de doce de leite e gelado para acompanhar. “Uma autêntica bomba calórica”, alerta, que vai deixar os mais gulosos com um sorriso de orelha a orelha.

Nome: Lx Brownie
Morada: Rua Azedo Gneco, 48 B (Campo de Ourique), Lisboa
Telefone: 96 992 8893
Horário: De segunda a sábado, das 11h às 19h30

Texto editado por Ana Dias Ferreira.

Todos queremos saber mais. E escolher bem.

A vida é feita de escolhas. E as escolhas devem ser informadas.

Há uns meses o Observador fez uma escolha: uma parte dos artigos que publicamos deixariam de ser de acesso totalmente livre. Esses artigos Premium, por regra aqueles onde fazemos um maior investimento editorial e que mais diferenciam o nosso projecto, constituem a base do nosso programa de assinaturas.

Este programa Premium não tolheu o nosso crescimento – arrancámos mesmo 2019 com os melhores resultados de sempre.

Este programa tornou-nos mesmo mais exigentes com o jornalismo que fazemos – um jornalismo que informa e explica, um jornalismo que investiga e incomoda, um jornalismo independente e sem medo. E diferente.

Este programa está a permitir que tenhamos uma nova fonte de receitas e não dependamos apenas da publicidade – porque não há futuro para a imprensa livre se isso não acontecer.

O Observador existe para servir os seus leitores e permitir que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia. Por isso o Observador também é dos seus leitores e necessita deles, tem de contar com eles. Como subscritores do programa de assinaturas Observador Premium.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)